quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Ciro diz que nada de bom virá de uma reforma política feita por um “magote de ladrões”

O ex-ministro Ciro Gomes, pré-candidato a presidente da República pelo PDT, não dispensa boa farpa quando perguntado sobre Reforma Política, o novo mote que governistas ensaiam e apregoam como bom para salvar a lavoura de pragas que predomina no campo partidário brasileiro.

“Esse Congresso, por sua maioria, já se provou ser um magote de ladrões. Por isso, não vai fazer nada que preste!”, não poupou Ciro, que passa toda esta semana no eixo Brasília-São Paulo dando entrevista a programas de rádio e tevê, com direito a palestra em Belo Horizonte.

Sobre a Reforma da Previdência, avalia como séria ameaça, pois, ao manter privilégios de magistrados, procuradores e políticos, acaba virando uma “selvageria” contra o trabalhador. Para Ciro, é hora de a pressão popular entrar em cena. Problema é saber quem teria credibilidade para tal mobilização.

Fonte: Blog do Eliomar de Lima