segunda-feira, 10 de julho de 2017

Delação de Cunha tem um capítulo sobre Maia

A delação do ex-deputado Eduardo Cunha deve potencializar a debilidade política de Michel Temer, admitem aliados do próprio presidente. A novidade, em tese, leva água ao moinho da articulação para guindar o deputado Rodrigo Maia da presidência da Câmara para o Planalto. O diabo é que Cunha incluiu na sua proposta de colaboração com a Justiça um capítulo dedicado a Maia, informa a revista Veja. O novo delator acusa o substituto constitucional de Temer de intermediar negócios privados no Estado em troca de verbas de má origem.

De dentro da cadeia paranaense onde está hospedado, Cunha mandou um recado para Maia na última quarta-feira. “Avisa que ele também será lembrado”, disse a um interlocutor que foi visitá-lo. A mensagem foi repassada a um dos advogados que trabalham na preparação da delação do ex-todo-poderoso comandante da Câmara. A pedido de Cunha, o doutor fará as vezes de pombo-correio. Maia já responde a inquérito no Supremo Tribunal Federal no âmbito da Lava Jato. Nas planilhas da Odebrecht, ele é o “Botafogo”.

(com informações da Veja Online)