quinta-feira, 22 de junho de 2017

Santa Casa de Sobral torna-se referência no atendimento da Melioidose na região Norte do Estado

Em visita técnica à Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS), no dia 12 de junho, a Secretária de Saúde do Estado do Ceará (SESA-CE) conheceu a estrutura assistencial do complexo hospitalar para atendimento aos pacientes suspeitos ou confirmados com Melioidose. Esse momento faz parte do processo de reconhecimento da instituição de saúde como Hospital Sentinela para a doença. Os técnicos da SESA-CE conheceram os setores da enfermaria São Joaquim, da Pediatria, Emergência, Unidade de Terapia Intensiva e Laboratório.

A Melioidose é uma doença de amplo aspecto clinico, portanto, pode simular outras doenças, que no homem acomete principalmente os pulmões, sobre tudo em pacientes com histórico de exposição a solo e água, que apresentam quadros agudos de pneumonia e sepse graves procedentes da comunidade. No Ceará, há relatos da bactéria causadora Burkholderia pseudomallei em áreas como Guaraciaba do Norte, Ipu (Bica do Ipu), Ubajara (Cachoeira do Boi Morto), Santa Quitéria e Granja. Na região Norte do Estado, a Santa Casa de Misericórdia de Sobral é referencia no atendimento da doença.

(com informações da Assessoria da Santa Casa de Sobral)