quinta-feira, 25 de maio de 2017

Empresas poderão garantir participação de estudantes em evento científico

Com o objetivo de democratizar o acesso de estudantes de baixa renda aos mais relevantes eventos acadêmicos, a coordenação do Mestrado em Geografia da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) lançou o projeto “Adote um Estudante”. Através do projeto, estudantes da UVA que não tem condições de participar do III Seminário Regional Comércio, Consumo e Cultura nas cidades por falta de condições financeiras para pagar sua inscrição, hospedagem e alimentação receberão ajuda de custo oferecido por empresas parceiras, que mais do que terem suas marcas divulgadas como patrocinadoras do evento, contribuirão para uma ampla formação dos futuros profissionais.

“Em muitos casos, são alunos cuja primeira geração da família chega à universidade, advindos da zona rural e com renda média familiar de 1 a 2 salários mínimos. A maior parte de nossos estudantes dependem do transporte oferecido pelas prefeituras para fazerem o trajeto de seus municípios até a universidade e, desse modo, para eles é inviável a participação nos eventos acadêmicos sem um suporte mínimo, como o oferecido através do projeto “Adote um Estudante”, explica o professor Luíz Antônio Araújo Gonçalves, coordenador adjunto do Mestrado e um dos organizadores do evento.

O III Seminário Regional Comércio, Consumo e Cultura nas cidades será realizado entre os dias 19 e 22 de junho no campus Betânia da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), em Sobral-CE. O evento tem como objetivo promover o debate qualificado sobre as dinâmicas socioeconômicas no Nordeste brasileiro no que se refere ao desenvolvimento das atividades de comércio e serviços no espaço urbano regional bem como o seu rebatimento no consumo e cultura nas cidades nordestinas. Essa discussão é perpassada pelos processos inerentes à relação Comércio / Serviços / Consumo, todavia, incorporam-se ao debate, os desafios decorrentes de uma sociedade em constante transformação, caracterizada pelo processo de modernização ancorado em novas estratégias frente ao imperativo de circulação da mercadoria em escala global, das novas demandas de consumo e sua influência na redefinição do uso do território.
  
Mais informações e inscrições no site www.srccc.com.br