sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Moses azunha e esconde as unhas

A história da saída dos 10 vereadores de oposição durante a Sessão Solene de posse do novo prefeito de Sobral, Ivo Gomes, na tarde do último domingo, 1º de janeiro, continua rendendo na imprensa sobralense, nas redes sociais e nas rodas conversa espalhadas pela cidade. A maioria da população ainda não esqueceu a atitude infantil e mal educada dos edis, e atribuem ao revanchismo pela derrota nas últimas eleições, a atitude do grupo liderado pelo deputado federal Moses Rodrigues, candidato derrotado no último pleito municipal, que evitou aparecer na mídia nos últimos dias e teria manobrado a ação nos bastidores.

O ápice das discussões aconteceu nos microfones de algumas emissoras de rádio da cidade, com acalorados discursos prós e contra a atitude, e com a intervenção de pais de vereadores, que falavam por seus filhos, impedindo que os mesmos pudessem dar suas explicações, e levantando a impressão de que eles, os pais, mandarão no mandato dos filhos.

Alheio a tudo isso, o novo prefeito tem sido visto nos quatro cantos da cidade. Esteve no Mercado Central conversando com os feirantes; fez uma visita ao novo superintendente do SAAE; acompanhou as primeiras blitze educativas que estão acontecendo em vários pontos da cidade, e preparando as diretrizes com que cada um de seus secretários deverá trabalhar nesse primeiro semestre da nova gestão.

Fonte: Blog do Verissímo