sábado, 28 de janeiro de 2017

Estado e TRE-CE assinam convênio para cadastramento biométrico de 2,6 milhões de eleitores em 93 municípios

O Governo do Ceará e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE) assinaram, nessa sexta-feira (27), convênio para ampliar o cadastramento biométrico em 93 municípios cearenses. A solenidade aconteceu no gabinete do governador Camilo Santana. Pelo convênio, o cadastramento biométrico vai ser feito pelos jovens do Programa Primeiro Passo, executado pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) nas zonas eleitorais dos 93 municípios que receberão o cadastramento biométrico.

A atuação dos jovens estagiários, com idades entre 16 e 21 anos, será iniciada a partir de fevereiro próximo, devendo se estender até maio de 2018, período em que o TRE-CE estima já ter cadastrado 75% dos eleitores cearenses por meio da biometria. O novo sistema permite que o eleitor confirme o seu voto por meio digital, garantindo maior segurança e transparência no processo eleitoral. Do total dos jovens, 922 auxiliarão os técnicos do TRE-CE ao longo deste ano, e outros 450, no período de janeiro a maio de 2018.

Entre as atividades que os jovens desenvolverão estão o atendimento ao eleitor, conferência dos documentos apresentados e apoio no controle de acesso ao processo de cadastramento, até a retirada do documento, bem como o manuseio dos equipamentos de informática e biometria, dentre outras tarefas, inerentes ao processo. Como pré-requisitos básicos à função, o adolescente deve estar cursando o ensino médio, possuir postura apartidária, dinâmica e ter facilidade de comunicação verbal, além de estar integrado ao Programa Primeiro Passo. Até maio de 2018, a expectativa do TRE-CE é que 4.358.112 eleitores já estejam cadastrados eleitoralmente por meio da biometria.

(com informações do Governo do Estado do Ceará)