segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Bancos temem inadimplência

Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já devem R$ R$ 98,3 bilhões às instituições financeiras somente em operações de crédito consignado, conforme dados do Banco Central (BC) registrados até dezembro de 2016. O estoque desses financiamentos registrou crescimento de 14,3% no ano passado e a tendência é que ultrapasse os R$ 100 bilhões ainda em janeiro.

O ritmo de alta do saldo total é superior ao registrado em 2015, quando essa modalidade teve expansão de 11,3%. Com renda garantida, os aposentados e pensionistas da Previdência Social mantêm o apetite por financiamentos e aproveitam os juros menores do que a de outras linhas para fazer as operações. A taxa média para essa operação, segundo os dados do BC, chegou a 30,3% ao ano em dezembro, uma queda de 0,6 ponto percentual em relação ao mesmo mês de 2015.

(com Agências)