sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

TSE libera posse de prefeitos eleitos considerados inelegíveis. Luis Menezes assume em Tianguá

O Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, em decisão liminar (provisória), autorizou que três candidatos a prefeito eleitos que haviam sido considerados inelegíveis tomem posse no dia 1º de janeiro.

Com isso, Sebastião de Barros Quintão (PMDB) vai assumir a prefeitura de Ipatinga (MG); Luiz Menezes de Lima (PSD), a de Tianguá (CE); e Geraldo Hilário Torres (PP), a de Timóteo (MG). As decisões foram tomadas na semana passada, mas só foram divulgadas nesta quinta-feira (29).

Os três foram os mais votados em suas cidades, mas tiveram as candidaturas barradas pelo TSE, que entendeu que eles estavam inelegíveis pelo prazo de oito anos.

Nos três casos, os candidatos sofreram uma condenação na Justiça e ficaram inelegíveis pelo prazo de três anos a partir de 2008.

Fonte: G1

Postar um comentário