quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Pais começam a ir às livrarias para driblar aumentos

O fim de dezembro se aproxima e os pais já começam a se preocupar com o material escolar dos filhos. Alguns se adiantam, aproveitando que a maioria das livrarias só faz reajuste de preços em janeiro. Optam ainda por utilizar parte do dinheiro extra  proporcionado pelo 13º salário para garantir a aquisição do material necessário. Apesar disso, há livrarias que registram movimentação até 60% menor neste fim de dezembro, comparado a igual período de anos anteriores. No preço à vista, em geral, há desconto.

Dicas
  • É fundamental comprar todo o material escolar necessário com antecedência. Isso evita perder tempo em filas, além de conseguir preços menores e melhores condições de pagamento. 
  • Atenha-se aos produtos da lista e aos que a criança realmente precisa. 
  • Evite itens supérfluos. Produtos de marca são mais caros. 
  • Procure objetos mais simples, mas que agrade seu filho  e tenha um bom custo-benefício.
(com informações do Diário do Nordeste)